Notícias

Postado em 23 de Dezembro de 2016 às 08h10

Novos frigoríficos são autorizados a exportar carnes suína e de frango para Cingapura

Por Editores de CarneTec Brasil em 22/12/2016

A Agri-Food & Veterinary Authority (AVA), autoridade sanitária de Cingapura, autorizou nesta semana quatro novas unidades frigoríficas produtoras de carne de frango e uma de carne suína do Brasil a exportar para a cidade-estado asiática.

No caso de aves, são três plantas do Paraná (duas da JBS e uma da Frangos Pioneiro) e uma de Minas Gerais (Vibra Alimentos). De suínos, a unidade recém-habilitada está localizada no Rio Grande do Sul (Cooperativa Languiru).

As novas autorizações se somam a outras 44 plantas frigoríficas de aves e 23 de suínos que já estavam habilitadas para os embarques de produtos congelados.

Cingapura está entre os dez maiores importadores de carne de frango do Brasil. Para lá, foram exportadas 89 mil toneladas entre janeiro e novembro deste ano, volume que superou em 20,68% as vendas efetivadas no mesmo período do ano passado.

Para o setor de suínos, o mercado tem peso ainda maior: é o quarto principal destino das vendas brasileiras, responsável pelos embarques de 30,1 mil toneladas do produto brasileiro entre janeiro e novembro, desempenho 19% superior ao total embarcado nos 11 primeiros meses de 2015.

“As novas plantas habilitadas deverão reforçar a presença das exportações de aves e suínos do Brasil no Sudeste Asiático, o que será primordial para incrementar os resultados dos embarques de 2017”, disse Francisco Turra, presidente executivo da ABPA.

Fonte: Carnetec

Veja também

Análise de laboratório no Paraná aponta resultados satisfatórios para amostras de carnes03/04/17 O Laboratório Central do Estado do Paraná (Lacen-PR) concluiu que os resultados de testes em amostras de carnes e embutidos coletadas em Curitiba entre segunda e terça-feira (20 e 21 de março) foram satisfatórios, segundo informações da Secretaria de Saúde do estado divulgadas na sexta-feira (31). Os testes foram realizados em um lote de amostras de dez......
Aurora otimista com vendas de fim de ano27/11/19 São otimistas as previsões da indústria de alimentos cárneos para as vendas natalinas: o crescimento no volume e no faturamento da comercialização desse período será da ordem de 3% a 4%. A......

Voltar para Notícias (pt)