Notícias

Postado em 14 de Dezembro de 2017 às 11h17

NR36: Compreenda o que a norma exige dos frigoríficos para prevenção de acidentes com a amônia

No dia 09/12/2017 ocorreu na Cidade de Maringá no Paraná o Treinamento de Segurança em Sistemas de Refrigeração por Amônia.
O foco central foi compartilhar conhecimento de Segurança e Saúde no trabalho nas indústrias que utilizam a Amônia no seu processo industrial, devido os muitos acidentes que ocorreram no Brasil no ano de 2017 com Amônia.


Temas debatidos:
• Amônia: Entenda seus benefícios e riscos dentro da indústria frigorífica.
• NR36: Compreenda o que a norma exige dos frigoríficos para prevenção de acidentes com a amônia, 
  Principais Ações do Ministério do Trabalho e Emprego.
• Adequação: Como escolher um sistema de detecção eficaz e confiável.
• Combate: Quais os EPIs e EPCs, as ações e precauções a serem aplicadas em caso de vazamento (teórico e prático)

Alguns testemunhos dos participantes:

Adilson Luiz - Engenheiro de Segurança do Trabalho - Frigorifico Astra
“Um treinamento de extrema importância, foi muito bom ter participado me esclareceu algumas dúvidas que tinha”.

Elisabete Schneider - Empresa Schneider Elaboração de Laudos
“Gostamos muito do treinamento”.

Heliton Pereira dos Santos - Cia Cacique de Café Soluvel
“Gostaríamos de parabenizar toda a equipe do treinamento de Segurança com (Amônia), e em principal a uma grande pessoa, Fernando Rosalvo que nos deu a oportunidade de compartilhar conhecimento numa causa muito importante, com a segurança em Amônia. Parabéns grande trabalho.”

Palestrantes:
Fernando Rosalvo, Técnico de Segurança no Frigorifíco BetterBeef e Vencedor do Prêmio Dupont (proteção química 2016).
Cleber Rocha, especialista em sistema de detecção de gases.
Sgto. Rodrigo Marcelo, Corpo de Bombeiros de Rancharia.

Veja também

Vendas externas de carne suína catarinense batem recorde histórico18/12/19 Maior produtor nacional de suínos, Santa Catarina aumentou ainda mais sua participação internacional e alcançou o maior volume e faturamento desde 1997, quando começaram as análises de dados de exportação. Ao longo do ano, foram 373,5 mil de toneladas embarcadas, gerando um faturamento de US$ 766,4 milhões. Boa parte das mercadorias vai para o mercado......
BRF diz que unidade em Dourados foi habilitada a exportar para China07/04 A BRF S.A. informou que a China autorizou sua planta em Dourados (MS) a exportar produtos ao país, segundo comunicado divulgado pela empresa. A planta tem capacidade de abate de 130 mil aves por dia. A BRF tem agora 14 plantas autorizadas a......
Imprensa EXPOMEAT19/04/17 Informações à imprensa: Luciana Piris - MTB 43182 11 96496-9471 luciana@lppress.com.br...

Voltar para Notícias (pt)