Notícias

Postado em 23 de Fevereiro às 16h05

Produção de carne bovina deve crescer 5% em 2018, diz Rabobank

Notícias do Setor (206)
Expomeat 2017 A produção brasileira de carne bovina deve crescer 5% em 2018, na comparação com o ano passado, e exceder 9,8 milhões de toneladas, impulsionada pelo aumento de vacas abatidas, segundo...

A produção brasileira de carne bovina deve crescer 5% em 2018, na comparação com o ano passado, e exceder 9,8 milhões de toneladas, impulsionada pelo aumento de vacas abatidas, segundo relatório divulgado pelo Rabobank na quinta-feira (22).

Nos primeiros nove meses de 2017, a produção brasileira de carne bovina subiu 2,5%, quando comparada ao mesmo período de 2016, sinalizando que o ciclo de retenção de fêmeas chegou ao fim. Já os preços de bezerros caíram em média 11% em 2017, na comparação com 2016.

A recuperação do consumo doméstico de carne bovina também é esperada para 2018, com base na expectativa de crescimento de 2% a 3% no Produto Interno Bruto (PIB) do país.

“Alguma demanda adicional será mais que bem-vinda, já que uma oferta adicional – estimada em cerca de 400 mil toneladas – é esperada para 2018.”

O Rabobank estima que produtores e frigoríficos de carne bovina entreguem resultados melhores em 2018.

Fonte: Carnetec

Veja também

JBS estima alta em vendas com nova linha de pescados17/04 A JBS S.A. está lançando uma linha de pescados congelados para os segmentos de varejo e food service, com a qual espera elevar em 25% o volume de vendas da marca Do Chef Friboi, anunciou a empresa na segunda-feira (16). O lançamento amplia o portfólio de produtos da maior processadora de carnes do país, que venderá os pescados em embalagens de 800 g a 1 kg, em redes......
Meyn apresenta desossador de peito rápido01/02/17 O desossador de peito Meyn Rapid M 4.0 é a versão Plug & Play do amplificador automático de peito Meyn, amplamente instalado, Rapid Plus. Inovador e produtivo, o Rapid processa 4 mil frente metades ou tampas de peito por hora e......

Voltar para Notícias (pt)