EXPOMEAT
de 15 a 17 de Março de 2022

Em breve divulgaremos a nova data que está sendo negociada junto ao Pavilhão de Exposições Anhembi

Notícias

Postado em 18 de Dezembro de 2017 às 10h15

Brasil deve exportar 10% a mais de carne bovina em 2018, diz Abiec

EXPOMEAT 2022 - lll Feira Internacional da Indústria de Processamento de Proteína Animal e Vegetal Os volumes de exportações brasileiras de carne bovina devem subir 9,8% em 2018, para 1,68 milhão de toneladas, com...

Os volumes de exportações brasileiras de carne bovina devem subir 9,8% em 2018, para 1,68 milhão de toneladas, com expectativa de retomada das vendas do produto in natura para os Estados Unidos, aumento de habilitações de frigoríficos pela China e liberação para embarques a outros países asiáticos, informou a Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carnes (Abiec) na quinta-feira (14).

O faturamento com os embarques deve subir 10,5% no ano que vem, para US$ 6,9 bilhões, estimou a associação.

O setor está fechando 2017 com resultados positivos, mostrando recuperação das vendas após a divulgação da Operação Carne Fraca em março, quando diversos países compradores suspenderam as compras temporariamente.

Os embarques brasileiros de carne bovina devem totalizar 1,53 milhão de toneladas em 2017, alta de 9% ante o ano passado. O faturamento decorrente dessas vendas é estimado em US$ 6,2 bilhões, 13% a mais que em 2016.

“No comparativo mensal de resultados, é perceptível esta rápida recuperação: entre março, mês em que foi deflagrada a Operação Carne Fraca, e abril, a queda do faturamento com as exportações foi de 25%; porém, entre abril e maio, o crescimento foi de 28%, com sucessivas altas tanto em volume quanto em ganhos monetários obtidos nos meses seguintes”, disse o presidente da Abiec, Antonio Camardelli, em nota divulgada à imprensa.

Três países ainda mantêm suspensão total às compras de carne bovina brasileira, como resultado da Operação Carne Fraca: Santa Lúcia, Trinidad e Tobago e Zimbabue. Trinta e um países mantiveram suspensão parcial a frigoríficos citados na Operação, dez países mantêm inspeção reforçada e 16 países retiraram totalmente as restrições.

Ao longo de 2017, o Brasil exportou carne bovina para 134 países, sendo que os principais compradores foram Hong Kong, China e Rússia.

De janeiro a novembro, as exportações brasileiras de carne bovina somaram 1,4 milhão de toneladas, alta de 8,6% ante o mesmo período do ano passado. O faturamento ficou 12,8% superior ao registrado nos 11 meses de 2016, em US$ 5,7 bilhões.

Fonte: Carnetec

Veja também

Arroba em alta e busca por eficiência operacional elevam demanda por tecnologia na pecuária22/03 O salto na cotação da arroba do boi gordo e exigências cada vez maiores por eficiência operacional e ambiental têm favorecido um aumento exponencial do uso de tecnologia em todos os elos da cadeia produtora de animais. No campo, a ordem é aumentar a produtividade, e, ao mesmo tempo melhorar a gestão e o controle do rebanho, na chamada pecuária de precisão.......
Mercoplasa na Expomeat 202104/11/20 A Mercoplasa atua nos segmentos de avicultura, pesca, frigorífico, farmácia, hortifrutigranjeiro, laticínio, suinocultura, têxtil, metalúrgico e panificação. Destaca-se na fabricação e......

Voltar para Notícias (pt)