21 A 23
DE SETEMBRO DE 2021

Das 14h às 20h

Pavilhão de Exposições Anhembi - São Paulo/SP

Notícias

Postado em 11 de Janeiro de 2018 às 12h28

BRF lança marca Kidelli com 14 produtos no portfólio

EXPOMEAT 2021 - lll Feira Internacional da Indústria de Processamento de Proteína Animal e Vegetal A BRF S.A. anunciou na terça-feira (09) o lançamento de sua marca Kidelli, focada no atendimento ao mercado de produtos à...

A BRF S.A. anunciou na terça-feira (09) o lançamento de sua marca Kidelli, focada no atendimento ao mercado de produtos à base de carne de frango e suína com preços mais baixos, segmento responsável por mais de 30% das vendas de alimentos processados no país.

A marca tem um portfólio composto por 14 produtos em nove categorias, entre as quais presuntaria, empanados, mortadela, linguiças e hambúrguer.

“O portfólio da nova marca será uma opção tanto para compra diária de alimentos para consumo em casa, quanto para transformadores que buscam produtos de qualidade com preço competitivo”, informou a BRF em comunicado.

Os produtos, que estarão disponíveis em todo o país a partir de fevereiro, serão produzidos em cinco unidades da BRF, sendo que a maior parte do volume virá das plantas de Uberlândia (MG) e Videira (SC).

“Kidelli irá atuar em um segmento do mercado que registra crescimentos robustos nos últimos anos, ampliando as oportunidades de negócios para o portfólio da BRF”, disse o vice-presidente de Operações da BRF no Brasil, Alexandre Almeida.

“Nos últimos três anos, a BRF investiu R$ 560 milhões em inovação e parte deste montante foi para o desenvolvimento da nova marca.”

A companhia já havia anunciado sua intenção de apresentar uma nova marca no ano passado, dentro de sua estratégia para otimizar a produção com aproveitamento de sobras de matéria-prima. A Kidelli é a terceira marca de produtos cárneos da BRF no Brasil, onde já atua por meio da Sadia e da Perdigão.

A empresa preparou um esforço de venda exclusivo para distribuir a Kidelli, focada em distribuidores independentes e redes atacadistas.

A aposta no segmento de produtos de baixo custo vai pelo caminho oposto à estratégia adotada pela JBS S.A., que tem buscado aumentar a presença no segmento de produtos de alto valor agregado. Na semana passada, a JBS anunciou o lançamento de sua marca 1953, fazendo sua estreia no segmento premium de carne bovina para o varejo.

Fonte: Carnetec

Veja também

SC quer produzir mais carne bovina12/01 O fim de ano foi marcado por queixas generalizadas de consumidores em relação ao preço das proteínas, especialmente a carne bovina. A seca em várias regiões produtoras do País comprometeu as pastagens e afetou o desempenho da bovinocultura de corte. Ao mesmo tempo, o aumento dos insumos (milho, farelo de soja, sal mineral etc.) elevou os custos de......
BRF passa a deter 91,7% das ações da produtora de aves turca Banvit24/08/17 A BRF S.A. informou que sua subsidiária TBQ Foods passou a deter 91,71% das ações da Banvit, maior produtora de aves da Turquia, segundo comunicado divulgado na quinta-feira (17). A compra inicial de 79,5% de......
Os diversos mercados consumidores para a carne bovina brasileira06/11/17 A grande preocupação da cadeia produtiva da carne bovina brasileira nos últimos tempos está diretamente ligada aos custos. Com margens cada vez mais apertadas, é normal que o setor se preocupe em reduzir os gastos. Isso......

Voltar para Notícias (pt)