09 A 11
DE novembro DE 2021

Das 14h às 20h

Pavilhão de Exposições Anhembi - São Paulo/SP

Notícias

Postado em 22 de Março às 17h58

Carnes/China: importação cresce 27,6% no primeiro bimestre, para 1,6 milhão de toneladas

Releases da Feira (169)Notícias do Setor (571)
EXPOMEAT 2021 - lll Feira Internacional da Indústria de Processamento de Proteína Animal e Vegetal As importações chinesas de carnes e miúdos totalizaram 1,6 milhão de toneladas em janeiro e fevereiro deste ano, de...

As importações chinesas de carnes e miúdos totalizaram 1,6 milhão de toneladas em janeiro e fevereiro deste ano, de acordo com dados divulgados pela Administração Geral de Alfândegas da China (Gacc, na sigla em inglês).

O volume representa aumento de 27,6% ante o primeiro bimestre do ano passado, quando a China importou 1,25 milhão de toneladas. Em valores, as importações em janeiro e fevereiro somaram US$ 5,1 bilhões, 10,1% mais do que um ano antes.

As importações de carne suína pela China no primeiro bimestre somaram 700 mil toneladas, aumento de 26,2% na comparação anual. Em valor, o aumento foi de 14,3% para US$ 2 bilhões.

De carne bovina, o país asiático importou 400 mil toneladas em janeiro e fevereiro, alta de 34,3%. O valor desembolsado com o produto foi 10,5% maior, de US$ 1,86 bilhão.

Fonte: Broadcast Agro

Veja também

Aurora eleva faturamento em 20% em 2019 com forte alta nas exportações06/02/20 A Aurora Alimentos registrou receita bruta de R$ 10,9 bilhões em 2019, 20% maior que em 2018, com forte crescimento nas vendas para mercados externos, informou a empresa na terça-feira (04). A sobras – lucros distribuídos entre os cooperados – ficaram em 5,48% no ano passado. Em 2018, a Aurora tinha contabilizado R$ 153 milhões em perdas. “O mercado interno......

Voltar para Notícias (pt)