21 A 23
DE SETEMBRO DE 2021

Das 14h às 20h

Pavilhão de Exposições Anhembi - São Paulo/SP

Notícias

Postado em 24 de Abril às 15h59

Desempenho exportador das carnes na terceira semana de abril

Notícias do Setor (220)
EXPOMEAT 2021 Os dados da SECEX/ME divulgados na última segunda-feira indicam que enquanto as exportações das carnes bovina e suína seguiram crescentes em relação a abril de 2019 - pela média...

Os dados da SECEX/ME divulgados na última segunda-feira indicam que enquanto as exportações das carnes bovina e suína seguiram crescentes em relação a abril de 2019 - pela média diária embarcada nos 12 primeiros dias úteis do mês, aumento de 4,26% e 21,78%, respectivamente – as de carne de frango enfrentam ligeiro decréscimo (-0,82%).

Situação idêntica se repete na receita cambial acumulada no período: ainda pela média diária, a carne de frango registra redução próxima de 7,5% e as carnes bovina e suína incremento de 21,52% e 38,05%, respectivamente.

Porém, projetados para a totalidade do mês (que tem um dia útil a menos que abril de 2019), tais resultados sofrem diluição. Assim, em termos de volume, aumenta o recuo da carne de frango (5,55% de redução), enquanto o volume de carne bovina também passa a apresentar ligeira queda (menos 0,70%. Ou seja: permanecem em expansão somente os embarques de carne suína, cuja incremento no mês é estimado, por ora, em cerca de 16%.

Fonte: AviSite

Veja também

Paraná mantém-se isolado nas exportações de carne de frango, fechando semestre com 40% do total14/07 Encerrado o primeiro semestre de 2020, o rol das 22 Unidades Federativas (UFs) exportadoras de carne de frango não apresenta maiores alterações em relação a meses anteriores. Apenas ressalta o avançar contínuo das exportações paranaenses, agora respondendo por 40,27% do volume exportado pelo Brasil e por quase 40% da receita cambial do......

Voltar para Notícias (pt)