21 A 23
DE SETEMBRO DE 2021

Das 14h às 20h

Pavilhão de Exposições Anhembi - São Paulo/SP

Notícias

Postado em 20 de Outubro às 11h05

Exportações de carne de frango no começo de outubro melhoram em relação a setembro

Notícias do Setor (262)
EXPOMEAT 2021 - lll Feira Internacional da Indústria de Processamento de Proteína Animal e Vegetal De acordo com dados da Secretaria de Comércio Exterior (Secex) do Governo Federal, as exportações de carne de frango nos...

De acordo com dados da Secretaria de Comércio Exterior (Secex) do Governo Federal, as exportações de carne de frango nos primeiros sete dias úteis de outubro tiveram alta na média de faturamento e volume em relação a setembro. Segundo Fernando Henrique Iglesias, analista da Safras & Mercado, ainda que discreto, os resultados mostram bom ritmo para a comercialização da proteína avícola brasileira no exterior. Há ainda a perspectiva de países do Oriente Médio estarem retomando as compras.

O faturamento por média diária nos primeiros sete dias úteis de outubro foi de US$ 21.339,694, 11,78% a menos do que o registrado em outubro de 2019. Na comparação com o resultado de setembro, a arrecadação por média diária foi 3,19% superior.

No caso das toneladas por média diária embarcada, no começo deste mês foram registradas 15.926,613, alta de 4,71% no comparativo com o mesmo mês do ano passado. Em relação à setembro, o número é 4,46% maior.

Segundo os dados da Secex, o preço pago por tonelada até a segunda semana de outubro deste ano ficou em US$ 1.339,876, recuo de 15,75% frente a outubro de 2019. Em comparação a setembro, houve redução de 1,21%.

A receita obtida exportações de carne de frango nos primeiros sete dias úteis de outubro, US$ 149.377,859 representam 28% do total faturado no ano passado. Em matéria de volume embarcado, as 111.486,291 toneladas são 33,3% de tudo o que foi embarcado em outubro de 2019.

Fonte: Notícias Agrícolas

Veja também

Exportação de carne suína in natura é recorde em maio, diz Cepea09/06 O Brasil exportou um volume recorde de carne suína in natura em maio, segundo dados da Secretaria de Comércio Exterior (Secex) do Ministério da Economia compilados pelo Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea). Foram exportadas 90,7 mil toneladas de carne suína in natura em maio, alta de 53,2% em relação ao registrado no mesmo mês do ano......

Voltar para Notícias (pt)